terça-feira, 20 de maio de 2014

IT'S A TRAP - Renascimento Artístico e Científico

  O Renascimento Artístico e Científico aconteceu na época de transição de feudalismo e capitalismo e, marca o início do Estado Moderno.
  A principal inspiração para tal movimento foi a cultura greco romana, sendo assim um movimento que "resgatou" a Antiguidade Clássica.
  O berço desse movimento foi a Itália (Península Ibérica) graças à sede do Vaticano, e das grandes atividades urbanas. Isso é, eram nas cidades que se apresentavam a burguesia, principal apoiadora do movimento.
  O Renascimento foi um movimento que mudou a forma de pensar do homem da época. E, aqui se apresentam suas principais características:

  • Humanismo. Isso é, a valorização do homem. O humanismo é caracterizado por aqueles que buscam analisar problemas sociais de forma crítica, usando a racionalidade e a individualidade.
  • Antropocentrismo. Na Idade Média, a sociedade era uma sociedade controlada pela Igreja e, por isso, era Teocentrista. Como o principal motivador do movimento é a crítica contra a Igreja, surgiu um questionamento sobre essa ideologia teocentrista. Então, começou-se a estabelecer que quem estava no centro de tudo era o homem, pois ele poderia modificar a natureza para colocá-la em seu favor.
  • Racionalismo. Obviamente, é o uso da razão e do senso crítico na análise de situações sociais e acontecimentos. Está estreitamente relacionada à ciência.
  • Hedonismo. Isso é, a busca pelo prazer e a valorização das sensações humanas. Desde que com moderação.
  • Individualismo. Esse tópico é muito confundido. Individualismo não significa algo como "cada um por si". Individualismo significa, por exemplo, uma interpretação da bíblia, defendendo que ela possa "tocar" cada um de formas diferentes.
  O Renascimento é um movimento conhecido como artístico e científico. E, aqui se apresenta os maiores avanços e mudanças nessas duas áreas:
  • Ciência: foi nessa época, que com a ajuda do racionalismo, houve um enorme desenvolvimento científico. Cada vez mais eram feitos estudos para provar coisas do universo. Foi aí também que se desenvolveu os experimentos como forma de verdade.
  • Arte: com o humanismo e antropocentrismo, os temas e as formas de arte mudaram. Como o humano era o centro de tudo, ele deveria ser representando em sua real forma, ou seja, nu. Por causa disso, cientistas e artistas tiveram enormes avanços no campo da anatomia. Já que eles tinham que representar o ser humano perfeitamente, era necessário saber todas suas propriedades. OBS: Foi no renascentismo que se popularizou a pintura a óleo.
  Existem também 4 meios que são conhecidos como os meios pelos quais o Renascimento foi propagado. São eles:
  • Mecenato: Buscando maior liberdade não só comercial, mas social, a burguesia começou a apoiar as ideias renascentistas. Foi assim, que foi criado o mecenato. Os mecenas são burgueses artistas que pro meio da arte, disseminavam as ideias renascentistas.
  • Imprensa: Criada por Gutemberg, a imprensa foi bastante importante para o Renascentismo. Primeiramente, as notícias se espalhavam mais rápido: um número maior de pessoas tinha acesso a um número maior de conhecimento e informação em um espaço de tempo menor. Além disso, a Igreja não era mais capaz de realizar a censura.
  • Eruditos de Constantinopla: Foram intelectuais que fugiram da Turquia e buscaram abrigo na Península Ibérica. Entrando em contato com um novo povo, os europeus podiam abrir horizontes pra outros conhecimentos, outras cultuas.
  • Expansão Marítima: Assim como o item anterior, por meio da Expansão Marítima, os europeus entravam em contato com outros povos, tendo assim mais conhecimento e informação.


Gutemberg

João Krauss

0 comentários:

Postar um comentário